Preso autor de latrocínio em Pirapora


Na segunda-feira (18), por volta das 5h da madrugada, a Polícia Militar de Pirapora foi acionada para dar apoio à ocorrência de incêndio de um veículo que foi encontrado por um transeunte na Rua Treze de Maio, no Bairro Bom Jesus. A partir dos dados da Placa do veículo foi possível identificar que se tratava do automóvel do empresário Braz Ribeiro da Silva, 67 anos.

Fotos:55 BPM


A partir do contato com os familiares da vítima, que reside no Centro da cidade de Pirapora, os militares conseguiram ter acesso a sua residência que teve que ser aberta por um chaveiro.

Segundo os militares, dentro do imóvel o morador foi encontrado sem vida, deitado sobre a cama, com as mãos amarradas para trás e com sinais de tortura.  A princípio, constatou-se que foram subtraídos do imóvel 01 botijão de gás, 01 aparelho celular, 01 TV e o veículo que havia sido encontrado em chamas.

Em operação conjunta com equipe da Polícia Civil, a guarnição da PM levantou informações que indicaram o jovem G.C, 23 anos, como principal suspeito do crime. Após intensos rastreamentos, o autor foi localizado no Bairro Sagrada Família, onde foi abordado tendo confessado os detalhes do crime.

De acordo com o jovem, o mesmo tinha costume de frequentar a residência da vítima. Na noite do crime, o autor havia estado na casa da vítima e, após desentendimento, o jovem saiu do imóvel e foi até um ponto de venda de drogas, onde consumiu crack. No início da madrugada, o autor retornou a residência da vítima, pulou o muro invadindo o imóvel para roubar bens da vítima.




Quando roubava o imóvel, foi surpreendido pelo morador, que acordou com o barulho e tentou evitar o roubo. O autor então desferiu golpes com uma ferramenta na cabeça do morador que desmaiou, momento em que foi amarrado e torturado pelo jovem.

O autor, conta que fugiu do local no automóvel da vítima levando consigo diversos objetos (TV, Bomba de pressão, aparelho de GPS, aparelho de DVD, relógio, perfumes, entre outros materiais).

Ainda na madrugada, o autor utilizou parte dos materiais para pagar dívida de drogas. Em determinado momento, por volta das 4h da manhã, quando passava pela Rua Treze de Maio, o autor percebeu que uma brasa do cigarro que estava fumando iniciou um incêndio no carro. Diante do fato, o jovem abandonou o veículo que foi encontrado pelos Bombeiros logo depois.

Após confessar o crime, o jovem foi preso e conduzido para a Delegacia de Polícia Civil.

A operação culminou com a prisão de outro suspeito, de 33 anos, que havia sido visto na noite anterior com o autor na porta da casa da vítima. Este, porém nega seu envolvimento com o crime, o que será esclarecido posteriormente. Com informação da Assessoria de Comunicação Organizacional.


Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.