Comida di Buteco completa 20 anos de existência

De 12 de abril a 05 de maio, acontece o Concurso Comida di Buteco,  que tem como missão “Transformar vidas através da cozinha de raiz – buteco extensão de sua casa”.

Fotos: Divulgação 

Em 2019 o Comida di Buteco comemora 20 anos. Duas décadas contando histórias de vidas de pequenos comércios familiares, carinhosamente conhecidos como “butecos”. O concurso que teve origem em 2000 na cidade de Belo Horizonte, hoje cobre todo o país,  sendo realizado em 21 cidades e desde 2016 elege também  o Melhor Buteco do Brasil.

A grande novidade dessa edição é que todos os petiscos, no Brasil inteiro, terão preço fixo de R$ 20,00, em comemoração aos 20 anos do Concurso.

 Um movimento nacional de valorização da cultura de buteco e cozinha de raiz

Numa trajetória onde muitas histórias de vidas foram contadas e transformadas, o concurso já extrapolou sua natureza e se tornou um grande movimento nacional de valorização da cultura de buteco e cozinha de raiz. Ele é, propositadamente, realizado simultaneamente e na mesma época do ano (abril/maio) em todas as cidades, num esforço  de demarcação de ABRIL como MÊS DO BUTECO NO BRASIL. E assim, valorizar e dar importância de calendário à esse  ícone da sociabilidade brasileira: o Buteco.


Um modelo de negócios de impacto

O mais importante aspecto do Comida di Buteco hoje é ter se tornado um NEGÓCIO DE IMPACTO, que tem o pequeno comércio familiar como matriz de uma corrente do bem que envolve: o “buteco”,  que não paga para participar; a indústria como a grande  financiadora (patrocinadores); envolve o poder público, a partir da ampliação da atividade econômica do buteco (gera empregos, paga impostos, muitas vezes tem a oportunidade de se formalizar); e envolve  parceiros, imprensa e o público do Brasil inteiro. O mês do concurso alavanca de forma poderosa toda a cadeia em que o buteco está inserido.


Buteco com “u”, o perfil dos participantes

Os estabelecimentos selecionados para participar são classificados pela organização do concurso como “ESPONTÂNEOS”:  estabelecimentos em que o dono está sempre à frente do negócio, não pertencendo às redes ou franquias e que muitas vezes se originou na própria casa da pessoa. Tem a identidade de seu proprietário e na maioria das vezes, outras pessoas da família do dono trabalham ali também.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.