Vereadores de Pirapora acusam ex-prefeito de corrupção em compra de aparelhos

A reunião da Câmara Municipal de Pirapora, nesta semana, (09/10) girou praticamente em torno dos debates sobre denúncia feita da tribuna inicialmente pelo vereador Sebastião Santana e endossada em seguida por alguns de seus colegas da bancada de sustentação do Executivo. 

Foto: ASCOM/PMP

O primeiro a subir à tribuna foi Sebastião Santana, que, citando a Procuradoria-Geral do Município como fonte, afirmou que estão sendo iniciadas investigações sobre um provável desvio de recursos financeiros ocorrido no Governo Léo Silveira, em 2016, na aquisição de aparelhos de ar-condicionado para algumas secretarias municipais. “A oposição cita Léo Silveira como um dos prefeitos mais honestos que Pirapora já teve, mas o que está sendo apurado foi um desmando com os recursos públicos na sua administração”, reiterou o vereador, citando ainda “o envolvimento de um servidor” no que ele classificou de “irregularidade administrativa com o dinheiro público”.

Éder Danilo, João Beato, Luciano Rodrigues e Itamar do Cordeiro também se pronunciaram sobre a denúncia repassada pela Procuradoria da Prefeitura, exigindo que “as investigações sejam feitas e os erros cometidos sejam punidos”, como enfatizou João Beato. Éder Danilo destacou que “a oposição agora quer nos criticar porque estamos apresentando a denúncia”. E citou que está apurando pessoalmente eventual desvio de recursos financeiros, também no Governo Léo Silveira, a respeito da construção da Academia de Saúde na área do Balneário das Duchas. Aquela obra encontra-se paralisada.

O vereador João Beato, rebatendo críticas da bancada de oposição, foi incisivo; “A oposição está criticando e fazendo acusações, parece até que quem cometeu erros no passado foi somente o ex-prefeito Warmillon Braga”. E destacou que “cerca de 90% dos vereadores atuais já trabalharam e votaram em Warmillon Braga. 

Se o ex-prefeito errou, todos aqui então também erraram ao apoiá-lo”. Para João Beato, o ex-prefeito sofre acusações na Câmara porque hoje fazem oposição aqueles que já foram seus aliados. “Os que dizem que Warmillon roubou 70 milhões de reais, são os mesmos que antes trabalhavam com ele. Agora, porque são oposição, querem denunciar o homem que transformou Pirapora”, concluiu.

ASCOM/Câmara 

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.