Responsive Ad Slot

Últimas notícias - usar latest

Jequitaí entra na luta pela Heineken

16/01/2022

/ by UPira
Por Jornal de Notícias 


O prefeito de Jequitaí, Norte de Minas, Eldima Caldeira Benfica (MDB), Binha, está promovendo uma mobilização regional para garantir a instalação da cervejaria holandesa Heineken, cujos investimentos chegam a cerca de R$ 2 bilhões. 

O município fica localizado a 100 quilômetros de Montes Claros cortado pela BR-365 e rio de mesmo nome. Jequitaí ganhou as redes sociais nesta semana de que receberia a nova fábrica, mas o prefeito afirmou nessa quinta-feira (13), ao Jornal de notícias, que por enquanto ainda não há nada de oficial entre o município e a Heineken, contudo a campanha é forte, sendo um grande sonho da prefeitura em concretizá-lo e se for de fato instalada será bem vinda para Jequitaí, disse. 

Também, negou que tenha conhecimento sobre informação de que a água de Jequitaí tenha sido analisada e aprovada em exame para a fabricação da cerveja. 

No entanto, Binha justificou que a cidade tem importância geográfica, pois possui água de boa qualidade e que pode ser oferecida para a instalação da cervejaria. Inclusive, há uma estrutura da antiga Empresa Correntes, numa fazenda com grande área a três quilômetros de Jequitaí, onde funcionou na década de 80, uma fábrica de álcool. "Esta grande fazenda hoje está praticamente improdutiva e precisa retomar suas atividades, uma vez que as terras são altamente férteis". 

Ali, produzia se cana-de-açúcar e em 1985 houve o declínio da Correntes, que seria de um empresário belorizontino, que produzia álcool e chegou a ter 1 mil funcionários, lembra. Ela fica localizada perto na ponte na saída do município. 

A vizinha cidade de Pirapora, banhada pelo Rio São Francisco também já chegou a ter uma fábrica da Antartica, na década de 80, com incentivos da Sudene, depois foi fechada naquele município norte-mineiro, onde existe um Terminal Intermodal e está localizada perto do segundo entroncamento rodoviário do país, que é Montes Claros, ligando à Rio-Bahia e outras regiões importantes do Brasil. No ano passado, cidades de diferentes regiões de Minas Gerais fizeram uma "corrida" para tentar garantir o título de município que vai abrigar a nova fábrica da cervejaria Heineken no Estado. 

A disputa começou após a companhia desistir, de erguer as instalações em Pedro Leopoldo, na região metropolitana de Belo Horizonte. Conforme o prefeito Binha, todos os esforços estão sendo realizados pelo município e especialmente pela Secretaria Municipal de Administração. Filiado nas Associação dos Municípios da Área Mineira da Sudene (Amams) e Cimams, garantiu que está mantendo todos os esforços no sentido de que a Heineken seja instalada em Jequitaí, assim como outras empresas, revela. 

"Não queremos ser pai, mas lutar pelo desenvolvimento do Norte de Minas", acentuou. Vários encontros estão sendo realizados com senadores, deputados federais, estaduais, em Brasília (DF), Belo Horizonte e em Montes Claros para apresentar todos os potenciais que o município pode oferecê-los, garantiu. 

"Temos condições de oferecer incentivos fiscais e toda a estrutura legal capaz de atender a Heineken, caso pretenda instalá-la em nosso município". "Estou otimista assim como muitos outros prefeitos da região até porque Jequitaí é bem localizada, tem mão de obra abundante, terras férteis, boa água e muito sol", assegurou.

Nenhum comentário

Postar um comentário

Don't Miss
© all rights reserved
made with by templateszoo