Responsive Ad Slot

Últimas notícias - usar latest

Pirapora vive expectativa de redução da vazão do Rio São Francisco

24/01/2022

/ by UPira

Por Girleno Alencar/Gazeta Norte Mineira 


A Prefeitura de Pirapora tem disponibilizado o boletim diário da vazão do Rio São Francisco, onde é possível visualizar o volume de água que chega à barragem Usina Hidrelétrica de  Três Marias (afluência), como também a quantidade que a usina libera por dia (defluência). Além disso, divulga na medida de porcentagem o volume útil da barragem e em metros o nível do Rio São Francisco em Pirapora/MG.  A Cemig, em nota à imprensa, anunciou no dia 18 que é esperado que o nível seguiria  a tendência de ascensão até hoje,  início da semana do dia 24 de janeiro,  quando as vazões que chegam ao reservatório passam a ser menores que as liberadas.

A Cemig atualiza a operação da Usina Três Marias, que vem sendo implementada ao longo desta semana. Nessa terça-feira, 18/01, conforme informado às Defesas Civis locais e ao IEPHA, a defluência total programada com ampliação na última segunda-feira, 17/01, teve uma redução de valor. Dado um evento chuvoso localizado no rio Abaeté, que deságua após a barragem de Três Marias, foi necessário recolher a liberação de vazões, garantindo as ações de gestão do ponto às margens do rio São Francisco no município de Pirapora, onde o vapor Benjamin Guimarães segue atracado para reforma e revitalização.

O nível do reservatório segue em ascensão ao longo da semana, conforme planejado, dado que as afluências ainda seguem com o reflexo das chuvas do início de janeiro deste ano. Tais vazões, se liberadas na integralidade, causariam inundações mais generalizadas, já que o reservatório segue liberando 2.780 m³/s frente à média de 5.000 m³/s de recebimento. Apesar do nível de armazenamento de 93,97% no início desta terça-feira, dia 18/01, o reservatório ainda segue com poder de amortecimento do evento de cheias que recebe. É esperado que o nível siga essa tendência de ascensão até o início da semana do dia 24/01, quando as vazões que chegam ao reservatório passam a ser menores que as liberadas.

Destaca-se que qualquer ampliação superior à prática atual traria transtornos ao majorar os efeitos de inundação já vivenciados no trecho do rio São Francisco, bem como impacto ao ponto de reforma do Vapor Benjamim Guimarães. A situação vem sendo avaliada diariamente, considerando o tempo de viagem das vazões até o município de Pirapora, bem como o comportamento dos rios que deságuam após a barragem, ou seja, que não podem ser controlados pelo reservatório.

Nenhum comentário

Postar um comentário

Don't Miss
© all rights reserved
made with by templateszoo